Osama bin Laden 

Photograph
Osama bin Laden
AP
Projetos na Área de Pesquisa

Osama bin Laden foi o chefe do grupo terrorista Al-Qaeda. Terrorista é alguém que tenta dominar as pessoas por meio da violência e do medo. Bin Laden e outros fundaram a Al-Qaeda no final da década de 1980. Seu objetivo era defender a religião islâmica e seus seguidores, os muçulmanos.

Osama bin Laden foi o chefe do grupo terrorista Al-Qaeda. Terrorista é alguém que tenta dominar as pessoas por meio da violência e do medo. Bin Laden e outros fundaram a Al-Qaeda no final da década de 1980. Seu objetivo era defender a religião islâmica e seus seguidores, os muçulmanos.

Juventude

Bin Laden nasceu em 1957, em Riyad, na Arábia Saudita. Cresceu numa família grande e muito rica e frequentou a Universidade do Rei Abdul Aziz, formando-se em engenharia.

Organização da Al-Qaeda

Em 1979, tropas da União Soviética invadiram o Afeganistão, um país muçulmano. Bin Laden foi para lá ajudar a expulsar os invasores. Foi durante esse período que ele colaborou na fundação da Al-Qaeda, voltando à Arábia Saudita como herói.

Logo após seu retorno, a Guerra do Golfo teve início. O governo da Arábia Saudita permitiu às tropas americanas estabelecer uma base militar no país. Por esse motivo, Bin Laden se colocou contra o governo saudita. Ele também se voltou contra os Estados Unidos, porque acreditava que eles estavam interferindo no mundo muçulmano. Em 1994, Bin Laden mudou-se para o Sudão, com o projeto de construir campos de treinamento nesse país. Mais tarde, foi para o Afeganistão.

Ataques

Na década de 1990, a Al-Qaeda realizou ataques em vários lugares do mundo. Em 11 de setembro de 2001, membros da organização sequestraram quatro aviões. Dois deles foram jogados, em pleno voo, contra os edifícios do World Trade Center, em Nova York, e outro contra o Pentágono, perto da cidade de Washington. O quarto avião caiu num campo do estado da Pensilvânia. Cerca de 3 mil pessoas morreram nesses ataques. Depois disso, as forças americanas invadiram o Afeganistão para tentar capturar ou matar Bin Laden. O líder da Al-Qaeda evitou ser capturado por quase uma década. Porém, em 1° de maio de 2011, o governo dos Estados Unidos anunciou que bin Laden tinha sido assassinado pelas forças americanas no Paquistão.