oxigênio 

Video

Entenda como o comportamento dos seres humanos está afetando o ciclo do carbono e do …
Created and produced by QA International. © QA International, 2010. All rights reserved. www.qa-international.com
Art
Este diagrama dá uma visão geral do ciclo do oxigênio, mostrando como esse …
Encyclopædia Britannica, Inc.
Projetos na Área de Pesquisa

O oxigênio é o elemento químico mais abundante da Terra e um dos principais componentes do ar que respiramos. Todas as plantas e animais dependem dele para viver. Os cientistas usam símbolos para representar os elementos químicos. A letra O representa o oxigênio.

O oxigênio é o elemento químico mais abundante da Terra e um dos principais componentes do ar que respiramos. Todas as plantas e animais dependem dele para viver. Os cientistas usam símbolos para representar os elementos químicos. A letra O representa o oxigênio.

O oxigênio constitui aproximadamente 20 por cento da atmosfera. Ele também representa nove décimos (em peso) da água e quase 50 por cento da composição das pedras e da areia da crosta terrestre. Não é encontrado sozinho, mas os cientistas conseguem separá-lo de outros gases que compõem o ar.

Propriedades

Em estado puro, o oxigênio é um gás que não possui cor, cheiro nem gosto. Ele se transforma em um líquido de cor suavemente azulada quando está à temperatura de −183°C e se torna sólido quando atinge aproximadamente −218°C. Combina-se facilmente com outros elementos para formar substâncias, chamadas compostos. A mais comum é a água, que possui duas partes de hidrogênio e uma de oxigênio. A forma do oxigênio chamada ozônio é um gás azulado, explosivo e venenoso. Ele é encontrado na parte superior da atmosfera, onde tem um papel importante: filtrar os raios nocivos (ultravioleta) do Sol e evitar que cheguem à superfície da Terra.

Usos

Todos os seres vivos precisam de oxigênio para viver. Na respiração, o oxigênio do ar se combina com o carbono e o hidrogênio do corpo. Isso produz a energia necessária para os processos vitais do organismo. Depois, na expiração, o ar que sai é um composto de carbono e oxigênio chamado dióxido de carbono. As plantas o absorvem como parte de um processo chamado fotossíntese. Assim, as plantas limpam o ar, pois usam o carbono (do dióxido de carbono) e liberam oxigênio puro. Vários processos naturais ocorrem quando o oxigênio reage com outro elemento ou substância. Exemplos disso são a ferrugem nos metais, as explosões e o escurecimento de frutas.

Os cientistas aprenderam a usar o oxigênio de outras maneiras, como em alguns processos de manufatura. Os médicos podem dar ao paciente oxigênio puro quando este precisa de uma quantidade maior do que consegue obter na respiração. Outro exemplo é a utilização do oxigênio líquido para abastecer foguetes.