Índice deste artigo
Imprimir este Índice

pentatlo 

Photograph
Laura Asadauskaite, da Lituânia, centro, ganhou a medalha de ouro no pentatlo moderno …
David Goldman/AP
Photograph
Nicholas Woodbridge, da Grã-Bretanha, participa da competição de tiro do …
David Goldman/AP
Photograph
Mhairi Spence, da Grã-Bretanha, à esquerda, compete com Tamara Vega, do …
Hussein Malla/AP
Photograph
Robert Kasza, da Hungria, na fase de salto equestre da competição de pentatlo moderno …
David Goldman/AP
Photograph
Os atletas tchecos de pentatlo Ondrej Polivka, à esquerda, e David Svoboda nadam a prova dos …
Mark J. Terrill/AP
Projetos na Área de Pesquisa

O pentatlo é uma competição atlética que tem cinco modalidades esportivas diferentes: natação, corrida, esgrima, tiro e equitação. Sua inclusão nos Jogos Olímpicos aconteceu em 1912, para os homens, e no ano 2000, para as mulheres.

O pentatlo é uma competição atlética que tem cinco modalidades esportivas diferentes: natação, corrida, esgrima, tiro e equitação. Sua inclusão nos Jogos Olímpicos aconteceu em 1912, para os homens, e no ano 2000, para as mulheres.

Nos Jogos Olímpicos da Grécia antiga, o pentatlo incluía uma corrida por todo o estádio (cerca de 183 metros), salto em distância, lançamento de disco, lançamento de dardo e uma luta entre dois atletas, que eram selecionados nas quatro primeiras modalidades.

Originalmente, o pentlato era um torneio que durava cinco dias. Desde 1996, dura apenas um dia.

A competição de tiro atualmente usa pistolas de ar. Vinte projéteis são disparados em um alvo posicionado a 10 metros do competidor. A prova de esgrima é um torneio que tem duração de um minuto. Se nesse tempo nenhum dos atletas conseguir atingir o adversário, ambos são considerados derrotados. Na natação, o atleta que tiver o melhor desempenho nos 200 metros livres vence a competição. No hipismo (ou equitação), cavalos e cavaleiros percorrem um trajeto de 350 a 450 metros, saltando sobre doze obstáculos. O evento final é uma corrida de 3.000 metros.

Nos Jogos Olímpicos de Verão de 2012, em Londres, a atleta pernambucana Yane Marques conquistou a medalha de bronze, a primeira do Brasil e da América Latina nessa competição. Nos Jogos Pan-Americanos, Marques ganhou a medalha de ouro em 2007, no Rio de Janeiro, e a de prata em 2011, em Guadalajara, no México.