capoeira 

Photograph
Praticantes de capoeira em ação, na cidade de Salvador, capital da Bahia.
Tibor Bognar/Alamy
Projetos na Área de Pesquisa

A capoeira é uma arte marcial brasileira inventada pelos negros bantos trazidos da África para o Brasil como escravos. A capoeira é uma luta, mas pode ser apenas um esporte. Ela costuma ser acompanhada de um tipo específico de música feita por tambores e berimbau, instrumento intimamente associado à capoeira.

A capoeira é uma arte marcial brasileira inventada pelos negros bantos trazidos da África para o Brasil como escravos. A capoeira é uma luta, mas pode ser apenas um esporte. Ela costuma ser acompanhada de um tipo específico de música feita por tambores e berimbau, instrumento intimamente associado à capoeira.

Origem

Muitas teorias tentam explicar a origem da capoeira. A mais aceita afirma que ela surgiu nos rituais religiosos em que os bantos, que vinham principalmente de Angola, saltavam, gesticulavam e gingavam o corpo.

A história da capoeira como luta está mesclada à história da resistência dos escravos no Brasil do século XVII. Acredita-se que os negros reunidos no quilombo de Palmares, liderados por Zumbi, praticavam a capoeira como treinamento e diversão. A capoeira é uma luta de habilidade e rapidez, cuja finalidade é derrubar o adversário pelo desequilíbrio.

Os escravos fugitivos eram perseguidos pelo governo, que queria acabar com os quilombos e, consequentemente, com a resistência dos negros que ali se refugiavam da escravidão.

Nessas perseguições, os negros deveriam ser capturados sem ferimentos graves, pois eram propriedade de senhores brancos. Isso obrigava os soldados à luta corpo a corpo para conseguir prendê-los. A superioridade dos negros era evidente, pois eles lutavam capoeira, usando a cabeça, os braços, as pernas e a ginga do tronco. Eles venciam esses embates, e só foram dizimados quando os soldados usaram armas.

O uso de música durante a luta explica-se pela necessidade de os treinamentos serem disfarçados. Ou seja, os escravos fingiam que estavam dançando e brincando ao som da música, quando na verdade estavam treinando.

Valor cultural

Durante muitos anos a capoeira foi proibida, por ser considerada prática de vadios e arruaceiros. Finalmente, em 1937, durante o governo de Getúlio Vargas, ela foi reconhecida como um esporte e uma autêntica manifestação cultural brasileira.

Atualmente a capoeira acontece nas praças de muitas cidades do Brasil, é praticada por homens e mulheres de todas as idades, em rodas que reúnem tocadores de berimbau e instrumentos de percussão.

Há cursos que ensinam a lutar capoeira e campeonatos nos estados brasileiros e, atualmente, também existem escolas da luta em diversos países estrangeiros.