Jogos Pan-Americanos 

Photograph
As atletas brasileiras de ginástica rítmica competem com arcos e fitas durante os …
Dario Lopez-Mills/AP
Photograph
José Barea de Porto Rico, centro, e os mexicanos Pedro Meza, à esquerda, e Real …
Martin Mejia/AP
Photograph
A equipe braileira de voleibol comemora no pódio depois de vencer a medalha de ouro nos …
Ricardo Mazalan/AP
Photograph
O fundista Solonei Silva comemora segurando a bandeira brasileira, depois de ganhar a medalha de …
Silvia Izquierdo/AP
Projetos na Área de Pesquisa

Os Jogos Pan-Americanos são um evento esportivo que reúne, de quatro em quatro anos, atletas dos países do continente americano em competições de diversas modalidades. São também chamados no Brasil, informalmente, de “Pan”.

Os Jogos Pan-Americanos são um evento esportivo que reúne, de quatro em quatro anos, atletas dos países do continente americano em competições de diversas modalidades. São também chamados no Brasil, informalmente, de “Pan”.

É um evento parecido com os Jogos Olímpicos, mas com a diferença de que tudo acontece sempre em um país do continente americano. Uma espécie de rodízio entre as Américas do Norte, Central e do Sul garante que todas os subcontinentes sediem os jogos alternadamente (embora a América Central um pouco menos frequentemente). Por exemplo, o Pan de 2007 aconteceu no Rio de Janeiro, no Brasil, na América do Sul. Os próximos jogos, em 2015, serão disputados na América do Norte, em Toronto, no Canadá.

O evento é organizado pela Odepa (Organização Desportiva Pan-Americana), sediada na Cidade do México. Como as Olimpíadas, tem a tradicional tocha, que é acesa, desde 1955, na cidade mexicana de Iztapalapa, com uma cerimônia que lembra os antigos rituais astecas.

História

O primeiro Pan era para ter acontecido em 1942, mas a entrada dos Estados Unidos e de outros países americanos na Segunda Guerra Mundial cancelou a competição. Somente em 1951 é que os jogos foram realizados. O local escolhido para sediá-los foi Buenos Aires, capital da Argentina. Ao todo participaram 2.513 atletas, que representaram 22 países. A Argentina conquistou 47 por cento das medalhas de ouro. A abertura oficial do evento foi feita pelo então presidente da Argentina, Juan Péron, e por sua mulher, Evita. Um dia antes da cerimônia, um forte vendaval destruiu algumas áreas onde seriam realizados os jogos. Por isso, as provas tiveram de ser adiadas em um dia, para que os reparos fossem feitos. Depois das dificuldades, enfim, o evento aconteceu.

Inicialmente, dezenove modalidades esportivas faziam parte do Pan. Com o passar dos anos, outros esportes foram incluídos. Atualmente são 42.

Na edição de 2011, em Guadalajara, no México, competiram mais de 5.996 atletas de 42 países. Entre os países participantes, os Estados Unidos lideraram o quadro de medalhas com 92 medalhas de ouro e Cuba ficou em segundo lugar, com 58. O Brasil ficou em terceiro lugar com 48 medalhas de ouro, 35 de prata e 58 de bronze. O nadador brasileiro Thiago Pereira foi o atleta de destaque do Pan de Guadalajara vencendo seis medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

Locais e datas das competições

1951 – Buenos Aires, Argentina;

1955 — Cidade do México, México;

1959 — Chicago, Estados Unidos;

1963 — São Paulo, Brasil;

1967 — Winnipeg, Canadá, em 1967;

1971 — Cáli, Colômbia;

1975 — Cidade do México, México;

1979 — San Juan, Porto Rico;

1983 — Caracas, Venezuela;

1987 — Indianápolis, EUA;

1991 — Havana, Cuba;

1995 — Mar del Plata, Argentina;

1999 — Winnipeg, Canadá;

2003 — Santo Domingo, República Dominicana

2007 — Rio de Janeiro, Brasil.

2011 — Guadalajara, México

Os próximos Jogos Pan-Americanos acontecerão em Toronto, no Canadá, em 2015.

Assim como nos Jogos Olímpicos, o Pan, ao final das competições, dá início aos Jogos Parapan-Americanos, ou Parapan, em que competem atletas com necessidades especiais. O Parapan começou a ser realizado em 1999.