Adis Abeba é a capital e maior cidade da Etiópia, um país do leste da África. A cidade fica em um planalto elevado na montanhosa região central do país.

Os ministérios do governo e o Parlamento da Etiópia estão localizados em Adis Abeba. Na cidade também fica a sede da União Africana.

A maior parte do comércio etíope passa por Adis Abeba. No oeste da cidade fica o Mercato, um dos maiores mercados ao ar livre da África. As mercadorias produzidas localmente incluem produtos têxteis, alimentos e bebidas, além de artigos de plástico e de madeira.

Adis Abeba tornou-se a capital da Etiópia no final do século XIX. Antes disso, a sede do governo era Entoto, uma cidade fria e ventosa localizada no norte do país. Em 1887, a imperatriz Taitu convenceu o marido, o imperador Menelik II, a mudar a capital para Adis Abeba.

De 1935 a 1941, forças italianas ocuparam Adis Abeba, bem como o restante da Etiópia. Os italianos pavimentaram ruas e construíram prédios no estilo europeu. O desenvolvimento da cidade foi lento de 1941 até 1960. A partir de 1960, porém, Adis Abeba cresceu rapidamente. Sua população é de 3.103.700 habitantes (estimativa de 2013).

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.