Belo Horizonte é a capital do estado de Minas Gerais, na região Sudeste do Brasil. É conhecida popularmente pela abreviatura BH (lê-se “bê-agá”). Foi a primeira cidade brasileira planejada, o que significa que seu desenho urbano — ruas, avenidas, quarteirões e seu entorno — foi pensado por uma equipe de engenheiros e arquitetos, que definiu a melhor conformação para a capital do estado.

Geografia

Localizada junto à serra do Curral, Belo Horizonte está a 894 metros de altitude. Possui clima agradável (média de 22°C), com belas cachoeiras e grutas. A quaresmeira é a árvore-símbolo da cidade.

Locais de interesse

Belo Horizonte possui vários edifícios criados pelo famoso arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer, como a Igreja de São Francisco de Assis (com jardins projetados pelo conhecido paisagista Roberto Burle Marx), o Museu de Arte e o Iate Clube, todos na região da Pampulha.

Outros pontos interessantes são a Praça da Liberdade, o Parque Municipal, o Mercado Municipal, a antiga Feira Hippie (com venda de artesanato local), o Estádio de Futebol Governador Magalhães Pinto (mais conhecido como Mineirão), o Horto Florestal, o Museu Giramundo (um dos principais grupos de teatro de bonecos do país), a gruta da Lapinha e a região da Savassi, próxima ao centro da cidade.

Em quase todos esses lugares é possível provar um dos alimentos mais apreciados pelos belo-horizontinos: o pão de queijo, feito com polvilho e queijo.

Economia

Belo Horizonte é a terceira metrópole do país. É a capital financeira e cultural de Minas Gerais. Destaca-se no setor automotivo — já que a 40 quilômetros da cidade está instalada uma indústria de automóveis — e também na indústria têxtil e de alimentos, na metalurgia (extração de metais) e nos setores de material elétrico e de construção civil.

História

Em 1701, o bandeirante João Leite da Silva Ortiz foi o primeiro a ocupar a serra de Congonhas, hoje conhecida como serra do Curral, em busca de ouro. Achou-o na forma de uma bonita paisagem, com ótimo clima. Construiu ali a Fazenda do Cercado, com uma pequena plantação e gado, que atraíram moradores das regiões próximas. Logo um arraial começou a se formar, e o povoado foi batizado de Curral del Rei, por causa do cercado (ou curral) natural que o rodeava.

O arraial foi crescendo e, em 1750, tornou-se o distrito de Nossa Senhora da Boa Viagem do Curral del Rei (a padroeira, ou protetora, da cidade é a santa de mesmo nome).

As pequenas regiões que formavam o arraial foram se desenvolvendo e se tornando independentes. Assim, a economia local entrou em decadência e a população diminuiu bastante em pouquíssimo tempo.

Em 1889, com a proclamação da República, os curralenses decidiram mudar o nome do arraial para Belo Horizonte, entrando numa nova e moderna era.

Mudança da capital

A capital de Minas Gerais era Ouro Preto. A mudança para Belo Horizonte aconteceu após a proclamação da República. O governo considerou que a localização de Ouro Preto não era adequada ao crescimento que se esperava de Minas Gerais. Além do mais, Ouro Preto tinha muito apego ao passado histórico e os mineiros buscavam a modernidade.

Por isso, em 1893, o presidente do estado (correspondente ao atual governador) decretou a mudança da capital para Belo Horizonte, após uma votação no Congresso entre cinco cidades mineiras. Foram convidados grandes arquitetos e engenheiros. A equipe que pensou a nova capital foi chefiada pelo engenheiro Aarão Reis, e a cidade foi finalmente inaugurada em 12 de dezembro de 1897, com o nome de Cidade de Minas, seguindo o modelo de cidades como Paris e Washington, D.C.. O nome Belo Horizonte só voltou a ser usado para denominar a cidade em 1901.

Belo Horizonte conta com 2.375.444 habitantes; já a Grande BH (que inclui a capital e regiões próximas, num total de 34 municípios) conta com 4.877.656 habitantes (censo de 2010).

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.