A República da Bulgária fica na península dos Bálcãs, no sudeste da Europa. Os turcos do Império Otomano dominaram o país por cerca de quinhentos anos. Sua capital é Sófia. Com área de 111.002 km2, a Bulgária tem 7.209.000 habitantes (estimativa de 2014).

Geografia

A Bulgária se estende, a leste, ao longo do mar Negro. O rio Danúbio forma grande parte da fronteira do país com a Romênia, ao norte. Sérvia e Macedônia, a oeste, e Grécia e Turquia, ao sul, são seus outros limites territoriais.

Os montes Bálcãs atravessam o país, enquanto o rio Marica corre pela planície central da Trácia, uma região agrícola. As terras cultivadas, de menor altitude, têm menos umidade que os planaltos. O clima é, em geral, continental, com temperaturas médias no verão e no inverno.

Flora e fauna

Árvores de espécies sempre-verdes (que não perdem as folhas durante o ano) cobrem as encostas das montanhas. As terras mais baixas foram desmatadas para favorecer a agricultura. Os maiores plantios são de trigo, milho, cevada, girassol e uvas. Cervos, ursos, lobos, texugos, javalis e gatos selvagens são encontrados nas regiões remotas.

População

Os búlgaros representam 85 por cento da população. Outros grupos importantes, porém minoritários, são os turcos e os ciganos. Os búlgaros são eslavos, e seu idioma é escrito com o alfabeto cirílico (russo). A religião tradicional é um ramo da Igreja Ortodoxa cristã. Mais de dois terços dos habitantes do país moram nas áreas urbanas.

Economia

Serviços, obras públicas, indústria e mineração são os setores mais dinâmicos da economia da Bulgária. O país tem jazidas de carvão, ferro, cobre, petróleo e gás natural. As indústrias fabricam produtos derivados do petróleo, maquinaria e roupas.

Cerca de um quinto dos búlgaros trabalha na agricultura, no setor de madeira e na pesca. Os maiores rebanhos são os de carneiros, porcos, cabras e vacas. A indústria de perfumes também é forte e por isso é grande o plantio de roseiras, pois o óleo das rosas é usado como matéria-prima.

História

A atual Bulgária é composta de três antigas regiões. No norte ficava a Mésia. O sudoeste era parte da Macedônia. O sul pertencia à antiga Trácia. No século I, o Império Romano ocupou todas essas regiões. Nos séculos V e VI, os eslavos invadiram a península dos Bálcãs. Os búlgaros, antigo povo do norte do mar Negro, de origem túrquica e iraniana, derrotaram os eslavos e deram seu nome ao país. Por isso, consideram o ano de 681 como o da fundação da Bulgária.

Nos séculos seguintes, os búlgaros e os eslavos fundiram-se em um só povo e se converteram ao cristianismo. Dois impérios búlgaros se sucederam. O Império Bizantino derrotou o primeiro império dos búlgaros em 1018. Em 1185, o Império Búlgaro renasceu, mas foi derrotado pelo Império Otomano, dos turcos muçulmanos, em 1396. Os búlgaros perderam a independência por quase quinhentos anos, mas a maior parte dos habitantes não se converteu ao islamismo.

Uma rebelião contra os otomanos fracassou em 1876. Dois anos depois, com a ajuda dos russos, a Bulgária obteve a independência parcial. O príncipe Fernando, então dirigente do país, declarou-o independente na totalidade em 1908. A Bulgária se envolveu em duas guerras contra outros países dos Bálcãs e também participou das duas grandes guerras mundiais.

Depois da Segunda Guerra Mundial, a monarquia búlgara caiu. O país se tornou um estado comunista sob a influência da União Soviética. Após a queda do comunismo, realizou eleições livres em 1990 e organizou um regime democrático. Em 2007 a Bulgária entrou para a União Europeia.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.