Cabo Verde é um arquipélago, ou grupo de ilhas, situado no oceano Atlântico, junto à costa da África. Colonizado por Portugal durante mais de quinhentos anos, o país obteve sua independência em 1975. Praia, na ilha de São Tiago, é a capital e a maior cidade de Cabo Verde. Com área total de 4.033 km2, o país tem 519.000 habitantes (estimativa de 2014).

Geografia

Cabo Verde fica 620 quilômetros a oeste da África. É composto de dez ilhas, divididas em dois grupos (Barlavento e Sota-Vento), e de cinco ilhotas rochosas. As ilhas de Barlavento ficam ao norte das ilhas de Sota-Vento. O país é montanhoso, e seu clima é quente e muito seco.

Flora e fauna

As encostas das montanhas são em parte tomadas pela relva e por alguns pinheiros. Elas ficam expostas ao vento e recebem mais chuva. Já as encostas protegidas do vento são mais desérticas, com arbustos espinhentos. Muitos lagartos, pássaros e borboletas vivem nas ilhas. Tartarugas marinhas põem ovos nas costas arenosas. O morcego-orelhudo é o único mamífero nativo de Cabo Verde.

População

Mais de dois terços da população de Cabo Verde é crioula, ou seja, resultado da mistura entre raízes africanas e portuguesas. Pouco mais de um quarto dos habitantes é africano, e há uma pequena minoria branca. A língua oficial é o português, mas as pessoas falam bastante uma língua mista, chamada crioulo cabo-verdiano, que mescla o português com dialetos africanos. A maioria da população é católica e mora em áreas urbanas.

Os cabo-verdianos são um povo musical. Há diversos ritmos específicos de Cabo Verde, como a morna ou a coladeira, que guardam certa semelhança com a música brasileira e fazem sucesso internacionalmente.

Economia

O comércio e o transporte são as principais atividades econômicas de Cabo Verde. A agricultura e a indústria têm papéis menores. Na agricultura, os principais produtos são o milho, a cana-de-açúcar, a banana, o coco e a batata-doce. No setor industrial, entre outras coisas, o país produz sapatos, roupas e sal. Há uma atividade pesqueira dinâmica.

História

Antes da chegada dos portugueses a São Tiago, em 1462, as ilhas de Cabo Verde eram desertas, ou seja, ninguém morava nelas. No início, Portugal utilizou as ilhas para o comércio de escravos. Em 1951, Cabo Verde tornou-se província ultramarina de Portugal. A maior parte dos habitantes das ilhas obteve a cidadania portuguesa em 1961. Em 1975, Cabo Verde se tornou república independente.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.