Há mais de 2 mil anos parte da população da China segue os princípios do mestre e filósofo Confúcio. Seus ensinamentos, conhecidos como confucionismo, se baseiam na bondade, no amor e no respeito. Essa doutrina filosófica e moral serve como modo de vida, fonte de valores e código social para seus seguidores.

Confúcio nasceu em 551 a.C., em Qufu, na atual província chinesa de Shandong (ou Shantung). A data exata de seu nascimento é desconhecida, mas muitas pessoas no leste da Ásia a comemoram em 28 de setembro. Seu sobrenome era Kong. Confúcio é a versão ocidental do nome chinês Kongfuzi, que significa “mestre Kong”.

Bom aluno quando jovem, ele estudou muitas disciplinas, entre elas música, práticas cerimoniais, a arte de manejar o arco, caligrafia, direção de carro de guerra e aritmética. Tinha também bom conhecimento de história e poesia.

Na casa dos 30 anos, começou a lecionar tendo por meta melhorar a sociedade. Ele acreditava que os alunos deviam se esforçar para melhorar de vida, além de ganhar conhecimento. Confúcio é considerado o primeiro professor da China que quis tornar a educação acessível para todos os homens.

Ele também se interessava por política e desejava ter um cargo influente no governo para poder reformar a sociedade. Assim, trabalhou no governo quando estava na faixa dos 40 e dos 50 anos, mas não chegou a obter nenhum cargo de grande influência. Confúcio morreu em 479 a.C.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.