Emiliano Zapata foi um dos líderes da Revolução Mexicana, que começou em 1910, no México. Ele lutava contra ricos latifundiários que haviam usurpado terras de camponeses. Seu objetivo era fazer que as terras fossem devolvidas a esses agricultores pobres. O lema adotado por ele foi “Terra e Liberdade”.

Zapata nasceu no dia 8 de agosto de 1879, em Anenecuilco, no México. Filho de índios camponeses, ainda jovem viu seus vizinhos perderem suas terras para os donos de grandes fazendas. Sob a liderança de Zapata, esses vizinhos realizaram protestos contra os proprietários de terras. Como punição, ele foi obrigado a servir o exército por seis meses. Após dar baixa do exército, Zapata formou um grupo de guerrilheiros camponeses que fazia uso da força para recuperar as terras tomadas pelos latifundiários.

Zapata também se opunha a Porfirio Díaz, o ditador do México, que nada fazia para ajudar os camponeses. Em 1910, Zapata e seus companheiros iniciaram a Revolução Mexicana. Em 1911, derrubaram Díaz do poder, e ele foi substituído por um líder chamado Francisco Madero.

Mesmo após a saída de Díaz, Zapata achava que os líderes mexicanos não se esforçavam para implantar a desejada reforma agrária. O general Victoriano Huerta tomou o poder, matando Madero, em 1913. Zapata não gostava de Madero, mas se recusou a ajudar o novo líder do país. Isso enfraqueceu Huerta, que deixou o poder em 1914 e saiu do país. Venustiano Carranza, o chefe de governo seguinte, promoveu a elaboração de uma constituição, mas a situação dos camponeses ficou pior. Carranza não contava com a aprovação de Zapata. Por um curto período em 1914, o exército de Zapata controlou a Cidade do México, a capital do país.

Posteriormente, Zapata uniu forças com Pancho Villa, outro líder revolucionário que atuava no norte do México. Eles se juntaram para distribuir lotes de terra aos camponeses. A guerra contra o governo continuava. As forças de Carranza derrotaram Villa em 1917 e, no dia 10 de abril de 1919, mataram Zapata a tiros em Morelos, no México. Ele tinha 40 anos.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.