A Malásia é um país do sudeste da Ásia. Ela compreende duas áreas de terra distantes entre si cerca de 650 quilômetros. Kuala Lumpur é sua capital e maior cidade. O país tem 31.229.000 habitantes (estimativa de 2014) e sua área total é de 330.290 km2.

Geografia

O mar da China Meridional separa o país em duas partes, Malásia ocidental e Malásia oriental. A primeira situa-se no continente asiático. Faz fronteira, ao norte, com a Tailândia; a ilha em que fica o país chamado Cingapura está ao sul; e a ilha de Sumatra, que é parte da Indonésia, fica a sudoeste. Cadeias de montanhas são encontradas de norte a sul da Malásia ocidental.

A Malásia oriental situa-se no norte da ilha de Bornéu e é separada por montanhas da província indonésia de Kalimantan, que ocupa a parte sul da ilha. A Malásia oriental contorna o sultanato de Brunei, situado na costa setentrional.

O clima é quente e úmido o ano inteiro, e as chuvas são abundantes em todas as regiões da Malásia.

Flora e fauna

Florestas tropicais cobrem mais da metade do país. Nelas são encontradas pelo menos 2.500 espécies de árvores e oitocentas espécies de orquídeas.

A fauna é composta por elefantes, tigres, leopardos, bois selvagens, pequenos ursos, porcos selvagens, orangotangos, macacos, cervos e alguns rinocerontes. Crocodilos, lagartos, tartarugas e muitos pássaros também vivem no país.

População

Mais da metade da população do país é composta de malaios, os quais, na maioria, seguem o islamismo e falam malaio. Existem mais 25 outros povos nativos, que seguem religiões tradicionais. Cerca de um quarto da população é chinesa, budista na maioria. Um grupo menor é formado por indianos e outros povos do sul do continente asiático. Estes seguem o hinduismo ou o islamismo. Muitos deles falam uma língua chamada tâmil.

A maior parte da população do país vive na Malásia ocidental, e mais da metade de seus habitantes vive nas cidades.

Economia

A indústria e o comércio exterior têm grande importância na economia da Malásia. Lá são fabricados aparelhos eletrônicos, produtos químicos e metálicos, maquinaria e vestuário. O país também produz matérias-primas, que são vendidas para outros países. A Malásia é o maior produtor de óleo de palmeira do mundo e um importante exportador de borracha e estanho. Além disso, a Malásia possui grandes reservas de petróleo e gás natural.

A agricultura também é importante. O arroz é o principal produto. No país, são cultivados também cacau, pimenta, coco e banana. O mar fornece peixes em grande quantidade, e as florestas tropicais são boa fonte de madeira.

História

Na Malásia oriental, foram encontrados ossos humanos e ferramentas que datam de 40 mil anos atrás. A presença humana na Malásia ocidental data de aproximadamente 6 a 8 mil anos atrás.

Por volta do início do século XV, um importante comércio de especiarias se desenvolveu no porto de Malaca, onde atualmente fica a Malásia ocidental. Em 1511, os portugueses dominaram Malaca e, em 1641, foi a vez dos holandeses. Em 1824, os ingleses tomaram Malaca dos holandeses.

No início do século XX, o território que hoje pertence à Malásia foi ocupado por diversas colônias britânicas. Estas foram tomadas pelos japoneses durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Mas, com o fim da guerra, o Reino Unido as recuperou. Em 1957, a Malásia obteve sua independência e, em 1963, Cingapura uniu-se a ela para formar a Federação da Malásia. Cingapura, porém, deixou a federação em 1965.

Como país independente, a Malásia teve de enfrentar problemas existentes entre os diversos povos que abriga. Além disso, grande parte da população não apoia o governo. Mesmo assim, o país conseguiu construir uma economia forte.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.