Segundo a mitologia da Grécia antiga, Pandora foi a primeira mulher da Terra. Sua história começa com Prometeu, que roubou o fogo dos deuses e o deu aos homens. Isso enfureceu Zeus, o rei dos deuses, que resolveu punir os homens.

Zeus ordenou a Hefesto, deus do fogo e dos artesãos, que criasse Pandora. Depois, cada deus propiciou uma dádiva a ela. Afrodite, a deusa do amor, deu-lhe a beleza.

Zeus, então, enviou Pandora à Terra. Lá, ela encontrou um jarro misterioso, mais conhecido como caixa de Pandora. Embora advertida para não abrir o jarro, ela foi tomada pela curiosidade. Segundo a lenda, assim que Pandora levantou o tampo, todos os tipos de males saíram voando. Ela tampou o jarro de novo, mas seu gesto foi inútil, pois os males e as doenças já haviam se espalhado pelo mundo. A única coisa que restou no jarro foi a esperança.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.