Posêidon era o deus dos mares na antiga mitologia grega. Segundo a lenda, ele era um dos doze deuses que viviam no monte Olimpo, mas tinha um palácio no fundo do mar. Os principais símbolos de Posêidon eram o golfinho e o tridente (uma lança de três pontas). Os antigos romanos conheciam Posêidon pelo nome de Netuno.

Segundo a lenda, Posêidon era filho de Cronos e Reia, que eram titãs. Os titãs eram uma raça de gigantes que perto do início dos tempos governou o mundo. Posêidon tinha dois irmãos, Zeus e Hades. Juntos, eles derrotaram os titãs e tomaram o poder. Zeus tornou-se o governante supremo da Terra e Hades tornou-se senhor dos infernos (o mundo subterrâneo). A Posêidon foi atribuído o domínio dos oceanos.

Os antigos gregos acreditavam que Posêidon usava seu tridente para agitar as tempestades no mar ou para acalmar as ondas. Ele também o utilizava para quebrar pedras. Por isso, ficou conhecido como deus dos terremotos. Os gregos também honravam Posêidon como o criador do cavalo.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.