Na mitologia do antigo Egito, Rá (também chamado Rê) era o principal deus, o deus Sol, importantíssimo para os egípcios. Os faraós antigos (reis) se diziam descendentes dele.

De acordo com a lenda, Rá criou o universo. O tempo começou quando o seu disco solar se elevou pela primeira vez, emergindo da escuridão. Na criação, Rá fez Shu (o ar) e Tefnut (a umidade). Eles fizeram nascer a deusa do céu, Nut, e a deusa da terra, Geb. Do casamento de Nut com Geb vieram os deuses Ísis e Osíris, Set e Néftis, as principais figuras da mitologia egípcia.

Os egípcios achavam que, ao amanhecer, Rá — o Sol — começava uma viagem atravessando o céu no seu barco. No crepúsculo, Rá velejava em direção ao outro mundo. Lá ele lutava com uma serpente má chamada Apepi, que tentava impedi-lo de subir novamente. Mas toda noite Rá vencia a luta e, assim, toda manhã, começava outra viagem pelo céu e o Sol voltava a subir.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.