Stálin foi um líder georgiano que governou durante 25 anos o país conhecido como União Soviética. Tornou-o uma potência mundial, mas ficou igualmente famoso pelo seu domínio cruel.

Infância e juventude

Stálin (também conhecido como Joseph Stálin) nasceu no dia 18 de dezembro de 1879, na Geórgia, que na época fazia parte da Rússia. Seu nome verdadeiro era Ossip Vissarionovitch Djugatchvili.

Quando jovem, Ossip interessou-se pelo comunismo. Os comunistas acreditam que todos os cidadãos devem compartilhar a riqueza de seu país de acordo com suas capacidades e necessidades.

Em 1903, os comunistas da Rússia dividiram-se em dois grupos: os bolcheviques e os mencheviques. Ossip aliou-se aos bolcheviques, comandados por Vladimir Ilitch Ulianov, que adotou o nome de Lênin.

Ascensão ao poder

Em 1912, tornou-se líder do partido. No ano seguinte, passou a usar o nome de Stálin, derivado da palavra russa para “aço”.

A Revolução Russa de 1917 destituiu o czar russo. Em 1921, os bolcheviques, que constituíam a maioria dos membros do Partido Comunista, monopolizaram o poder.

Lênin morreu em 1924. Nessa época, os comunistas tinham formado um novo país, chamado União Soviética. Os líderes do partido competiam pelo poder, e Stálin venceu essa disputa.

Ele queria fortalecer e modernizar o novo país, por isso construiu usinas de aço e fábricas. Em 1928, ordenou a fusão das pequenas propriedades agrícolas. Os agricultores que resistiram foram mortos ou mandados para campos de concentração.

A partir de 1934, Stálin ordenou à sua polícia secreta que prendesse e matasse muitos membros do partido e oficiais do exército. Queria se livrar de todas as possíveis ameaças ao seu poder.

Últimos anos

Em 1941, a União Soviética entrou na Segunda Guerra Mundial ao lado dos Aliados (entre os quais destacavam-se os Estados Unidos e o Reino Unido). Os exércitos soviéticos ajudaram a vencer a guerra.

Depois da guerra, Stálin se voltou contra os Aliados. Seus exércitos levaram o domínio comunista aos países do leste europeu. Ele continuou no poder até a morte, no dia 5 de março de 1953.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.