Vital Brasil Mineiro da Campanha, médico sanitarista brasileiro, ficou conhecido internacionalmente por seus estudos pioneiros sobre o soro antiofídico (contra veneno de cobra).

Vital Brasil nasceu em 1864 em Campanha, no estado de Minas Gerais. Desde jovem, devido a dificuldades financeiras, trabalhou em diversos ofícios para pagar os estudos de medicina: foi condutor de bondes, auxiliar de engenheiro e professor particular. Mas seus esforços foram recompensados quando em 1891 se formou com brilhantismo pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro.

Soro antiofídico

Brasil foi para São Paulo e clinicou em cidades como Rio Claro, Jaú, Leme e Piraçununga, combatendo epidemias. Casado, fixou-se em Botucatu. Vendo que muitas pessoas morriam de picada de cobra, dedicou-se ao estudo do veneno desse animal (ofidismo) e de vários outros.

Em 1898, trabalhando no Instituto Bacteriológico do Estado, dirigido por Adolfo Lutz, Vital Brasil conseguiu imunizar animais com veneno de cascavel, jararaca e urutu, obtendo os primeiros soros específicos no combate aos seus venenos. Em 1903 criou o soro antiofídico, já no Instituto Butantan (ou Butantã).

O Instituto Butantan e o Instituto Vital Brasil

Com a criação do Instituto Butantan, em 1901, Vital Brasil assumiu a direção do laboratório. Aí, além do soro antiofídico, fabricou os primeiros tubos de soro antipestoso. Realizou um extenso programa que passou a fornecer soros e vacinas contra picadas de aranha e de escorpião e para combater o tifo, a disenteria bacilar, o tétano e a varíola, além da vacina BCG, contra a tuberculose.

Em 1919 mudou-se para Niterói, no Rio de Janeiro, onde fundou o Instituto de Higiene, Soroterapia e Veterinária, que dirigiu até a morte. Essa instituição hoje é conhecida como Instituto Vital Brasil. Morreu em 1950 em Niterói, no estado do Rio de Janeiro.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.