Os babuínos são grandes macacos que andam tanto no solo como nas árvores. São inteligentes, barulhentos e, muitas vezes, ferozes.

Onde vivem os babuínos

Os babuínos são encontrados ao sul do deserto do Saara (na África), na Arábia Saudita e em áreas de conservação do continente africano. Eles podem viver em ambientes variados, como florestas, campos e montanhas rochosas. Passam a maior parte do tempo no solo, mas dormem em locais altos, como árvores e penhascos.

Características físicas

A cabeça e a cara dos babuínos são parecidas com as dos cães. Eles têm bochechas grandes e o focinho comprido. Seus dentes incisivos são enormes e seus membros, muito fortes. Para andar, os babuínos usam os quatro membros.

Dependendo da espécie, um babuíno pode pesar de 14 a 40 quilos e medir até 1,14 metro, sem contar a cauda, que pode alcançar entre 41 e 71 centímetros de comprimento. Os machos têm o dobro do tamanho das fêmeas.

A cor da pelagem dos babuínos pode ser cinza, castanho-avermelhada, verde-oliva ou verde-amarelada. O pelo é sempre áspero. Os machos adultos em geral possuem camadas de pelos longos sobre os ombros. As partes de baixo do corpo, bem como as mãos, os pés, a cara e as nádegas, não têm pelos.

Comportamento

A alimentação dos babuínos é variada. Comem capim, frutas, raízes, pássaros e pequenos mamíferos, como roedores, lebres e filhotes de gazelas. Sua dieta varia de acordo com a região, dependendo da disponibilidade. Os babuínos podem ser muito daninhos às plantações agrícolas.

Eles vivem e andam em grandes bandos. Cada bando é uma sociedade bem fechada. Os bandos são liderados e defendidos por um ou mais machos. Os babuínos se comunicam entre si e emitem uma variedade de gritos, com diferentes significados. Por exemplo, dão sinal de alarme com um grito que parece o latido de cachorro. Acredita-se que os babuínos são muito inteligentes e podem até ser treinados.

Ciclo de vida

Os machos e as fêmeas não ficam juntos depois de acasalar, e procuram outros parceiros. Em geral, as fêmeas dão à luz apenas um filhote por vez. As fêmeas permanecem junto à mãe. Já os machos partem por volta dos 7 anos de idade e juntam-se a outros bandos. Os babuínos podem viver de vinte a trinta anos na natureza, e por muito mais tempo em zoológicos.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.