O beija-flor é uma ave pequena que tem o bico comprido e afilado. Muitos beija-flores exibem penas de cores bem vivas. Normalmente, o macho é mais colorido que a fêmea. No Brasil, essa ave também é chamada de colibri.

Há cerca de 320 espécies de beija-flor. Todas elas vivem na América, do Alasca à Terra do Fogo, mas a maior parte está nas regiões mais quentes da América do Sul. No Canadá e nos Estados Unidos há cerca de doze espécies apenas. Das espécies conhecidas, aproximadamente metade pode ser encontrada no Brasil e no Equador.

Todos os beija-flores são pequenos, e muitos chegam a ser minúsculos. O maior deles, chamado beija-flor-gigante, mede 20 centímetros de comprimento. O beija-flor-abelha tem pouco mais de 5 centímetros e é a menor ave que existe.

Os beija-flores têm asas compridas e corpo musculoso. Eles são verdadeiros atletas: voam para a frente, para trás, para os lados, para cima e para baixo, e conseguem também ficar “parados” no ar, batendo as asas rapidamente. Alguns chegam a bater as asas oitenta vezes por segundo.

Sua alimentação consiste basicamente de néctar, uma substância adocicada produzida pelas flores. O pássaro paira no ar na frente da flor e introduz nela seu comprido bico. Em seguida, estende a língua de três a treze vezes por segundo, para extrair o néctar.

Enquanto o beija-flor se alimenta, alguns grãos de pólen ficam presos em seu corpo. Esse pólen é assim levado de uma flor para outra, o que é muito útil para a reprodução das plantas.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.