O cavalo é um animal mamífero. Ele é valorizado pelo ser humano há milhares de anos, pois sempre foi útil para transportar pessoas e puxar cargas pesadas. Mais recentemente, passou a ser usado nos esportes e na recreação. O nome científico do cavalo é Equus caballus. A fêmea do cavalo é chamada de égua.

Onde vivem os cavalos

Os cavalos já vagaram livres pelas pastagens da América do Norte, da América do Sul, da Europa, da Ásia e da África. Hoje, em todo o mundo, quase todos os cavalos são domesticados, ou domados.

Entre os tipos de cavalo atualmente existentes, o único que nunca foi domado é o cavalo-de-przewalski, que vive principalmente em zoológicos. Outros cavalos que vagam livres, como os mustangues no oeste da América do Norte, descendem de cavalos criados por pessoas.

Características físicas e raças

Os cavalos são grandes e muito fortes. Um cavalo domesticado tem normalmente 1,5 metro de altura (medida do ombro até o chão) e pesa cerca de 520 quilos.

As pernas do cavalo são fortes, embora pareçam muito finas. Seu pé é na verdade um único dedo protegido pelo casco, uma cobertura feita do mesmo material das unhas humanas.

Ao longo dos séculos, a reprodução dos cavalos tem sido controlada pelo ser humano de modo a originar características que as pessoas considerem úteis e desejáveis. As raças podem ser agrupadas em três tipos gerais: as de cavalos leves, as de cavalos pesados e os pôneis. Os cavalos leves são utilizados sobretudo para cavalgar, e entre eles a raça mais importante é o puro-sangue-inglês, usado nas corridas. Os cavalos pesados, chamados também de cavalos de tração, puxam carroças pesadas. Alguns cavalos de tração pesam mais de 900 quilos. As raças menores chamam-se pôneis, e alguns desses animais pesam somente cerca de 175 quilos.

Comportamento

Os cavalos comem gramíneas. A maioria dos que vivem livremente na natureza passa boa parte do tempo pastando e vagando em grupos, ou bandos. Um bando normalmente tem um macho adulto, muitas fêmeas adultas e seus filhotes. Um grupo de solteiros é formado apenas por machos.

Os cavalos têm várias andaduras, ou modos de andar. A mais rápida se chama galope. O galope mais lento se chama meio-galope. O trote é mais lento que o meio-galope. O passo é a andadura mais lenta de todas.

Ciclo de vida

Cerca de onze meses depois do acasalamento, a fêmea dá à luz um único filhote. Os filhotes de cavalos são chamados de potros. Poucas horas depois do nascimento um potro saudável já está de pé. Os cavalos vivem normalmente de 20 a 35 anos, mas alguns já ultrapassaram os quarenta.

Os cavalos e os seres humanos

As pessoas caçaram cavalos até aprender a domá-los. Os cientistas acreditam que a domesticação do cavalo tenha começado na Ásia central, provavelmente bem antes do ano 2000 a.C.

O cavalo na guerra

Os povos da Antiguidade usavam cavalos na guerra. Por volta do ano 1600 a.C., os povos do sudoeste da Ásia guerreavam montados a cavalo e também em bigas, que eram veículos de duas rodas puxados por cavalos. Cerca de oitocentos anos depois, os asiáticos levaram o cavalo para a Europa. O exército da Roma antiga tinha soldados a cavalo.

Durante a Idade Média, os cavaleiros foram guerreiros que montavam cavalos pesados. Quando os combatentes deixaram de vestir armaduras, passaram a utilizar cavalos mais rápidos e mais leves.

O cavalo no trabalho

Inicialmente, os cavalos não conseguiam puxar cargas pesadas sem se ferir. Então, no século XII, começou-se a protegê-los com colarinhos acolchoados, ou coalheiras, que lhes permitiam puxar arados. Os cavalos também puxavam vagões de trem nas ferrovias e outros veículos. Até o século XX, quando o uso das máquinas se ampliou, os cavalos foram uma importante força de trabalho.

O cavalo nos esportes

A corrida de cavalos é um esporte antigo. Já no século VIII a.C., os Jogos Olímpicos da Grécia antiga davam destaque para as corridas de cavalos. Hoje, eles correm em pistas ovais ou retilíneas. Algumas pistas têm obstáculos que o cavalo precisa saltar. Na corrida com arreios, o cavalo puxa um veículo de duas rodas com um condutor.

Os cavalos e os jóqueis também competem em esportes de saltos (como a equitação ou hipismo), chamados de eventos equestres. Nos Jogos Olímpicos há eventos equestres. Entre os outros esportes que usam cavalos figuram o polo e o rodeio.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.