O cedro é uma árvore perenifólia ou sempre-verde — isto é, que preserva sua folhagem o ano inteiro. Ele pertencente à família dos pinheiros. Sua madeira é altamente valorizada porque não se deteriora facilmente, tem uma bela cor avermelhada e perfume agradável.

Existem quatro espécies de cedro. Três delas cresciam originalmente apenas nas montanhas que circundam o mar Mediterrâneo. Depois, espalharam-se para outras regiões. A outra espécie de cedro cresce na cordilheira do Himalaia, no sul da Ásia.

Os cedros são árvores altas, com galhos extensos. Podem chegar a mais de 30 metros de altura. Suas folhas lembram agulhas e crescem em grupos ao longo dos galhos. Os cedros produzem grandes cones que contêm suas sementes.

Muitas outras árvores de madeira aromática e avermelhada também são chamadas de cedros, mas são, na maioria, ciprestes ou zimbros. Sua madeira é usada para fabricar cômodas, armários e lápis. O óleo extraído do zimbro (ou junípero) é usado na fabricação de perfumes.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.