Celacanto é o nome que se dá a um grupo de peixes ósseos, da ordem dos Crossopterygii. Os cientistas acreditavam que membros desse grupos teriam sido os ancestrais dos vertebrados terrestres. Os celacantos são considerados verdadeiros fósseis vivos.

Peixes de mares profundos, os celacantos modernos são maiores que seus parentes fossilizados. São predadores vorazes, de corpo quase rígido e nadadeiras muito ágeis. Eles medem em média 1,5 metro de comprimento e pesam cerca de 45 quilos. As fêmeas dão à luz filhotes em vez de ovos, e estes nascem já bem desenvolvidos.

Os celacantos surgiram na Terra há cerca de 350 milhões de anos e eram abundantes por todo o mundo. Foram encontrados fósseis desses peixes datados de 251 milhões a 145,5 milhões de anos atrás.

Acreditava-se que os celacantos tivessem sido extintos há cerca de 80 milhões de anos, mas em 1938 um espécime desse grupo foi encontrado no oceano Índico, perto da costa sul da África. Então, os cientistas ofereceram recompensas a quem encontrasse mais exemplares, e em 1952 um segundo tipo foi encontrado nas ilhas Comores, onde muitos outros foram capturados. Mais tarde, descobriu-se que esses peixes eram conhecidos pelos nativos das ilhas, que consumiam sua carne depois de seca e salgada. Outra espécie foi descoberta na Indonésia, em 1998, na ilha de Manado Tua.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.