As pessoas obtêm e compartilham informações por meio da comunicação. Todas as formas de comunicação têm estes fatores em comum: o envio e o recebimento de uma mensagem. Usando diferentes tipos de comunicação, uma pessoa pode transmitir suas ideias e seus sentimentos para outra ou para milhões de pessoas.

A comunicação não é uma atividade exclusivamente humana. Os animais se comunicam por meio de sons, de odores e de ações. Computadores se comunicam entre si através de redes eletrônicas.

Tipos de comunicação

As pessoas se comunicam através da linguagem oral e escrita. A linguagem oral inclui conversas e discursos. A linguagem escrita inclui livros, jornais e o uso de e-mail.

Ocorre também a comunicação sem palavras, pois os movimentos do corpo e do rosto demonstram sentimentos. Os surdos usam movimentos de mãos denominados linguagem de sinais.

As artes também são uma forma de comunicação. Fotografias, pinturas, música e filmes podem comunicar sentimentos e também fatos.

História

Os primeiros seres humanos modernos surgiram há cerca de 200 mil anos. Provavelmente usaram sons, movimentos e, por fim, a fala para se comunicar. Cerca de 30 mil anos atrás, seres humanos começaram a fazer pinturas e esculturas em paredes de cavernas.

A escrita foi inventada há mais de 5 mil anos. Os antigos sumérios desenvolveram a primeira escrita conhecida, chamada cuneiforme. Depois os antigos egípcios desenvolveram uma escrita baseada em figuras chamadas hieróglifos. A invenção da impressão, ou prensa tipográfica, no século XV, foi um grande avanço na comunicação escrita, permitindo que os tipógrafos fizessem cópias de um texto rapidamente.

Telecomunicação é a comunicação a longas distâncias. Antigamente, pombos transportavam mensagens escritas. Antes da invenção dos trens e dos carros, a correspondência era entregue por mensageiros a pé ou a cavalo. Os serviços postais públicos (correios) tiveram início nos séculos XVI e XVII. Desde então, a telecomunicação tornou-se mais rápida, graças à televisão, aos telefones e à internet.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.