O fogo é o desprendimento de calor e luz que acontece quando alguma coisa entra em combustão. Os seres humanos dominam e usam o fogo há mais de 1 milhão de anos. A civilização não seria possível sem o fogo. Onde não existe o calor do fogo, visível ou invisível, não há vida. No entanto, ele é perigoso e precisa ser sempre usado com muito cuidado.

Como acontece o fogo

O fogo acontece quando o oxigênio se combina de determinada forma com alguma outra substância. O oxigênio é um gás que integra o ar. A outra substância é chamada de combustível. Para que o combustível entre em combustão, ou seja, queime, ele precisa ser aquecido a uma temperatura chamada ponto de ignição. Todo combustível tem seu próprio ponto de ignição.

Uma chama é criada quando o calor libera os gases de uma substância que está queimando. Quando o gás da cera de uma vela encontra o ar, por exemplo, forma-se a chama. Uma substância que não libera gás quando aquecida queima sem produzir chamas. Quando o oxigênio é consumido, o fogo se extingue. Só há fogo onde há ar.

História

Os seres humanos sabem como controlar o fogo há quase 1,5 milhão de anos. Milhares de anos após essa descoberta, porém, as pessoas ainda tinham dificuldades para dar início ao fogo. Um método empregado era bater um mineral resistente contra outro, a fim de produzir faíscas. Outro consistia em girar um pedaço de madeira contra outro, até a madeira se aquecer e chegar ao ponto de ignição.

O fogo tinha muitas utilidades para os primeiros seres humanos. As fogueiras mantinham as pessoas aquecidas e afugentavam os animais selvagens. O fogo iluminava o caminho durante a noite e também o interior das cavernas, além de servir para cozinhar.

Com o tempo, as pessoas passaram a usar o fogo de novas maneiras. Acendiam-no para limpar a terra para o plantio de alimentos e também para fazer cerâmica com argila. Por volta de 3500 a.C., já se usava o fogo para moldar metais. Com o passar dos séculos, as pessoas aprenderam a usar o fogo para produzir, por exemplo, vapor, borracha e tijolos.

O uso do fogo também pode provocar problemas ambientais. A prática indiscriminada de queimadas como método de desmatamento de terrenos para a agricultura afeta os habitats de plantas e animais. Muitas espécies dessas áreas estão em perigo de extinção.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.