Os hunos foram um dos mais temidos grupos de guerreiros de sua época. Eram cruéis e combatiam montados a cavalo, usando habilmente o arco e a flecha. Nos séculos IV e V, eles conquistaram uma grande extensão de terras na Europa.

Os hunos eram originários da Mongólia, no leste da Ásia. Eles criavam animais e não tinham morada fixa. Deslocando-se para o oeste com seus animais, atravessaram as pradarias da Ásia central e chegaram ao sudeste da Europa por volta do ano 370. Durante os setenta anos seguintes, os hunos conquistaram povos dessa área e da Europa central. Eles atacaram tanto a parte ocidental quanto a oriental do Império Romano.

Durante muitos anos os hunos não tiveram um líder central. O primeiro rei a governar os hunos foi Rugila, ou Rua. Ele assumiu o trono em algum momento antes de 432. Depois de sua morte, em 434, seus sobrinhos Bleda e Átila subiram ao poder. Os dois partilharam a liderança até 445, quando Átila matou Bleda. Átila se tornou um dos mais famosos guerreiros da história.

Átila morreu em 453. Depois de sua morte, seus filhos, que eram muitos, dividiram os territórios hunos e logo passaram a brigar entre si. Os povos dominados por eles se revoltaram e os derrotaram em 455. No final do século, os hunos já não eram mais um grupo unido.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.