A ilha de Mayotte (também chamada de Maiote ou Mahoré) é um departamento ultramarino (um tipo de província) da França situado no canal de Moçambique, no oceano Índico. A ilha fica cerca de 310 km a noroeste de Madagascar, na África. Mayotte fica a sudeste do grupo das ilhas de Comores. A capital de Mayotte é Mamoudzou. Seus 223.000 habitantes (estimativa de 2014) se distribuem numa área de 374,2 km2.

Geografia

Uma cordilheira vulcânica corre ao longo de Mayotte. Os picos das montanhas alcançam entre 500 e 600 metros de altitude. A ilha está cercada por recifes de coral. O clima é quente e úmido, com chuvas abundantes.

Flora e fauna

A ilha tem uma exuberante floresta tropical. A fauna é rica em espécies raras de aves, répteis e insetos. O lêmure é um dos poucos mamíferos que habitam Mayotte. Os recifes de coral servem de habitat para espécies únicas de cetáceos e tartarugas marinhas, e no mar circundante há baleias e peixes que já foram considerados extintos, como o celacanto.

População

Muitos dos habitantes de Mayotte são de origem malgaxe. A maior parte da população é muçulmana. A ilha é fortemente influenciada pela cultura francesa. O francês é a língua oficial, mas a maioria das pessoas fala o comoriano, um idioma que está intimamente relacionado com o suaíli, falado na África oriental.

Economia

A agricultura é importante para a economia de Mayotte. As principais culturas são baunilha, ylang-ylang (flor utilizada na fabricação de perfumes), café e coco. Mandioca, banana, milho e arroz são cultivados para consumo local. O principal parceiro comercial de Mayotte é a França.

História

No século XV, comerciantes árabes invadiram a ilha ocupada por descendentes de povos banto e malaio-indonésio. Os portugueses e os franceses chegaram à ilha no século XVI. No final do século XVIII, uma tribo malgaxe de Madagascar invadiu a ilha e nela se estabeleceu, trazendo consigo o dialeto malgaxe.

A França ganhou o controle de Mayotte em 1843. No início do século XX, Mayotte foi integrada ao território ultramarino francês, juntamente com as ilhas de Comores e Madagascar. Em 1975 Comores declarou sua independência. O povo de Mayotte votou para permanecer com a França. Em 1979, a Organização das Nações Unidas aprovou uma resolução afirmando a soberania de Comores sobre Mayotte. A União Africana também apoiou essa resolução. No entanto, Mayotte continuou a ser território da França.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.