O ipê é uma árvore diferente da maioria das outras: quando suas flores nascem, as folhas caem dos galhos. Quando se vê um ipê florido, sabemos que a primavera está próxima — a maioria dos ipês floresce no final do inverno ou no começo da primavera. A imagem do ipê é bastante representativa do Centro-Oeste e do Sudeste do Brasil.

Sua madeira é de lei — quer dizer, é madeira de qualidade. Por ser dura e resistente, é empregada na construção civil e naval, em assoalhos, vigas, eixos de rodas e peças de marcenaria. Por ser muito procurada, tem de ser plantada em grande quantidade — para reflorestamento —, a fim de que não seja extinta. Suas flores são lindas e embelezam as ruas em que se encontram.

O ipê cresce devagar e pode chegar a 30 metros de altura, mas a maioria tem de 7 a 15 metros de altura. É do gênero Tabebuia, palavra tupi que significa “árvore de casca grossa”. As espécies mais conhecidas são o ipê-amarelo, também chamado de pau-d’arco, frequente em Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná; o ipê-roxo, de flores cor-de-rosa, comum nas regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul; e o ipê-branco, que se encontra muito no Rio de Janeiro e em Minas Gerais.

As árvores florescem no inverno e na primavera. O ipê-roxo é o primeiro a florir: de junho a agosto nas regiões quentes, um pouco antes nos locais mais frios. O ipê-amarelo floresce entre agosto e setembro e o ipê-branco, de setembro a outubro. No Brasil, existem doze tipos de ipês com flor em tons de amarelo.

O ipê é a árvore-símbolo do Brasil. (A árvore nacional é o pau-brasil, que deu nome ao país.)

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.