As libélulas são insetos voadores com dois pares de asas transparentes, olhos grandes e corpo longo e estreito. Elas vivem perto de águas estagnadas, seja de rios seja de lagos, na maior parte do mundo. Há cerca de 2.500 espécies de libélula.

Esses insetos variam muito em termos de cor e de tamanho. As libélulas menores têm envergadura das asas de cerca de 20 milímetros. As maiores têm asas que se abrem até cerca de 15 centímetros. As asas ficam esticadas nas laterais do corpo até quando a libélula está descansando.

As libélulas adultas se alimentam principalmente de outros insetos, e sua estrutura corporal as torna caçadoras implacáveis. Elas voam mais rápido do que a maioria dos outros insetos e podem mudar instantaneamente a direção do voo, pairando no ar como minúsculos helicópteros. Seus olhos grandes localizam presas acima, abaixo, em frente, atrás e de ambos os lados delas.

As libélulas nascem de ovos dentro da água doce ou perto dela. Quando nascem, são larvas aquáticas em nada parecidas com as libélulas adultas. As larvas são caçadoras temíveis que usam um par de quelas parecidas com pinças para apanhar vermes, girinos e peixes miúdos. Assim, crescem rapidamente, e trocam de pele várias vezes. É durante esse processo que desenvolvem características adultas. Por fim, saem da água rastejando, trocam de pele pela última vez e partem voando como libélulas adultas.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.