O lobisomem é um monstro famoso no mundo inteiro. É uma figura da mistura de homem e de lobo, cuja origem mais remota é a mitologia grega.

No Brasil, sua lenda é bastante conhecida, mas tem diversas versões. Em uma delas, diz-se que uma pessoa nasce lobisomem se for o último que sua mãe dá à luz depois de sete irmãs. Depois que atinge os 13 anos de idade, essa pessoa sai à noite nas sextas-feiras de lua cheia, partindo de um local onde um jumento rola e se retorce no chão, seguindo em visita a sete cemitérios de igrejas, sete vilas, sete locais da região onde vive e sete encruzilhadas, para voltar depois ao local em que estava o jumento. De retorno ao ponto de partida, toma a sua forma original de ser humano. Todo esse percurso começa à meia-noite, leva toda a madrugada e só termina ao amanhecer.

Segundo a lenda, o lobisomem come galinhas, assusta cachorros, apaga todas as luzes que estiverem acesas, atravessa as cidades e atrapalha o sono de lavradores, uivando por onde passa.

Para desencantar um lobisomem, é preciso feri-lo com artefatos de prata ou bater bem forte na cabeça dele.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.