Um mapa é um desenho de toda a superfície da Terra ou de parte dela. Seu objetivo principal é mostrar onde as coisas estão. Os mapas podem mostrar objetos aparentes, como rios, lagos, florestas, prédios e estradas. Eles também podem mostrar coisas que não podem ser vistas, como fronteiras e temperaturas. A maioria dos mapas é desenhada sobre superfícies planas. Quando um mapa é apresentado sobre uma superfície redonda como uma bola, é chamado de globo.

Tipos de mapas e de globos

Os tipos mais conhecidos de mapa são o topográfico e o político. Os mapas topográficos mostram a localização e a forma de características da superfície terrestre. Normalmente eles mostram acidentes naturais, como montanhas e lagos. Mas também podem incluir coisas que os seres humanos construíram, como estradas e ferrovias. Os mapas políticos mostram as fronteiras de países, estados, províncias, condados, cidades e outros tipos de divisões políticas. Muitos mapas combinam características de mapas topográficos e mapas políticos.

Os globos fornecem o mesmo tipo de informação que os mapas planos. A Terra é quase redonda e o globo a representa muito bem. Um globo mostra a Terra como se ela fosse vista do espaço.

Escala

Um mapa sempre é menor do que a área que representa. A maioria dos mapas apresenta uma escala que mostra a relação entre o tamanho do mapa e a dimensão real da região representada por ele. A escala mostra como as distâncias no mapa se relacionam com as distâncias reais.

A escala de um mapa pode ser apresentada de várias maneiras. A mais simples é a escala gráfica. Uma escala gráfica é uma linha ou barra com marcas que normalmente representam metros ou quilômetros. Essas escalas podem ser usadas para medir as distâncias nos mapas.

Alguns mapas têm uma escala explícita numa frase, usando palavras como “1 centímetro é igual a 60 quilômetros”.

Um terceiro tipo de escala usa uma expressão matemática chamada proporção. Por exemplo, a proporção 1:50.000 diz que uma unidade de medida do mapa é igual a 50 mil unidades da mesma medida no chão, ou no terreno representado no mapa. Se a unidade de medida usada for o centímetro, então 1 centímetro no mapa é igual a 50.000 centímetros (500 metros) no território representado, ou seja, no chão real.

Encontrar um lugar

Qualquer lugar da Terra pode ser localizado usando um sistema chamado latitude e longitude. Latitude e longitude são um conjunto de linhas imaginárias que circundam a Terra. As linhas de latitude correm no sentido leste-oeste. As linhas de longitude correm no sentido norte-sul. Muitas vezes elas estão impressas nos mapas. Qualquer lugar pode ser encontrado em um mapa usando a latitude e a longitude.

Alguns mapas são divididos em seções que são como quadrados de um tabuleiro de xadrez. As linhas podem ser numeradas “A”, “B”, “C” etc. Muitas vezes esses mapas são acompanhados de um índice que informa onde encontrar um lugar usando letras e números. Se o índice diz que um lugar fica em “B2”, por exemplo, ele pode ser encontrado no mapa onde as linhas “B” e “2” se encontram. Mapas rodoviários costumam usar esse sistema.

Símbolos dos mapas

No passado, os cartógrafos, ou fazedores de mapas, usavam desenhos para mostrar onde ficavam coisas como castelos e montanhas. Os desenhos eram grandes para poder ser vistos com facilidade. Geralmente eram bonitos de ver e fáceis de entender. Mas para uso prático esses mapas eram bastante confusos, além de não serem muito detalhados.

Com o tempo, os mapas foram simplificados. Os cartógrafos substituíram os desenhos por símbolos. Cada símbolo representa uma coisa em particular. Um mapa pode ter símbolos diferentes para cidades ou para rios, lagos, estradas, ferrovias etc. Normalmente os cartógrafos mostram as informações mais importantes usando símbolos que se destacam. Por exemplo, uma estrada importante pode ser mostrada com duas linhas pretas paralelas que margeiam uma linha vermelha no meio de ambas. A legenda é uma lista que descreve os símbolos usados no mapa.

Desde finais do século XX, com os avanços dos recursos digitais e na Internet, houve um aumento significativo da produção de mapas e imagens cartográficas produzidas com imagens satelitais e disponibilizadas em tempo real. Por exemplo, o programa Google Earth permite explorar edifícios em 3 dimensões, imagens e terreno. Também, podem-se encontrar cidades, lugares e empresas locais em quase todo o mundo, e visualizar o trânsito de um lugar.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.