Os metais são uma família formada por mais de setenta elementos químicos (as substâncias básicas que constituem o Universo). Metais são usados para fabricar inúmeras coisas, de torradeiras de pão a edifícios.

Características físicas

Geralmente é fácil reconhecer um metal. Todos os metais são sólidos à temperatura ambiente (com exceção do mercúrio, que é líquido). A maioria deles tem cor cinza e superfície brilhante, e muitos são extremamente duros. Os metais podem ser transformados em fios (por extrusão) ou em chapas (por laminação). Muitos metais são bons condutores de eletricidade.

Onde são encontrados os metais

Os organismos vivos possuem alguns tipos de metal dentro de suas células. Entretanto, os metais que usamos para fabricar objetos são encontrados na crosta da Terra. Somente o ouro e alguns poucos outros metais existem puros na natureza; a maioria é encontrada apenas na forma de compostos químicos, que são a combinação de dois ou mais elementos químicos. A rocha que contém um composto químico metálico é chamada de minério.

Extração de metais

A mineração é a atividade de extrair minerais da crosta terrestre. A metalurgia é a ciência de separar os metais dos minérios e transformá-los em materiais úteis. O primeiro passo para a produção de metais é triturar o minério e, em seguida, limpá-lo, ou purificá-lo.

No processo chamado fundição, os metalúrgicos esquentam o minério para que os elementos químicos se separem e o metal seja liberado. Eletricidade e reações químicas também podem ser usadas para extrair o metal do minério.

Depois, outros trabalhadores dão forma ao metal. Ele pode ser derretido e derramado dentro de um molde, martelado sobre uma superfície dura, moldado com uma prensa ou forçado a passar por orifícios.

Ligas

Às vezes os metalúrgicos derretem o metal e o misturam a outros metais ou a outras substâncias não metálicas, criando novos metais chamados ligas. O aço é uma liga de ferro e carbono. O bronze é uma liga de cobre e estanho. Uma liga tem características diferentes das de um metal puro, podendo, por exemplo, ser mais dura ou resistir melhor ao calor.

História

O ouro e o cobre foram os primeiros metais descobertos. Depois vieram a prata, o chumbo, o estanho, o ferro e o mercúrio. No princípio, as pessoas simplesmente martelavam os metais para lhes dar forma. Depois, aprenderam a derretê-los e a derramá-los em moldes. Há mais de 5 mil anos foi criada a primeira liga — o bronze, usado para fabricar ferramentas e armas —, e há mais de 3 mil anos o ser humano aprendeu a purificar o ferro, que é mais duro que o bronze.

Durante a Idade Média (de 500 a 1500 d.C., aproximadamente), pessoas conhecidas como alquimistas fizeram várias tentativas de transformar o chumbo e outros metais em ouro. Eles nunca obtiveram sucesso, mas, com suas experiências, contribuíram para aumentar os conhecimentos sobre os metais. Mais tarde, muitos outros cientistas descobriram diferentes metais, além de inventar novos usos para eles.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.