As mutucas (ou butucas) são insetos parecidos com moscas. Geralmente, são encontradas em torno de ambientes aquáticos, como riachos e pântanos, mas também ocorrem em áreas de florestas.

O comprimento das mutucas varia entre 6 mm e 30 mm, dependendo da espécie. Mutucas têm a cabeça e o abdome mais largos que o tórax. Seus olhos são grandes e podem ter tonalidade metálica ou verde. O corpo pode ter coloração verde-esmeralda ou ser totalmente negro. Mutucas adultas conseguem voar grandes distâncias.

Os machos se alimentam de substâncias açucaradas, como néctar e seiva de plantas. As fêmeas, porém, precisam da proteína presente no sangue para produzir ovos, por isso picam humanos e outros animais. A boca das fêmeas é pontiaguda, para que elas consigam perfurar a pele de suas vítimas.

As fêmeas depositam ovos aos cachos, em pedras ou folhas de plantas. Os ovos são longos, achatados e de cor preta. Cerca de dois ou três dias depois, as larvas eclodem. As mutucas passam o inverno no estágio larval e a primavera no estágio de pupa. No verão, emergem como adultas. As larvas desse inseto são predadoras carnívoras que se alimentam de mosquitos e até mesmo de outras larvas de mutuca. Por esse motivo, é comum vê-las sozinhas, e não em grupos.

Mutucas podem ser verdadeiras pragas, pois carregam diversos causadores de doenças, como vírus, bactérias e protozoários. No gado, o ataque de mutucas pode levar à perda de peso e à redução da produção de leite. Nos humanos, a picada dolorida provoca vermelhidão, inchaço e coceira. Em lugares onde há muitas mutucas, o trabalho de agricultura só pode ser feito à noite, quando elas não estão em atividade.

Métodos que ajudam na prevenção de infestações incluem a drenagem dos lugares onde as mutucas se reproduzem. Loções repelentes, mantas e redes do tipo mosquiteiro podem oferecer proteção contra o ataques desses insetos.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.