O nazismo foi uma ideologia política que se desenvolveu na Alemanha depois da Primeira Guerra Mundial (1914-1918). A Alemanha, que tinha perdido a guerra, sofreu inúmeras dificuldades econômicas. Muitos alemães culpavam o governo por causa dessa situação, e começaram a querer mudanças.

Surgiu então o Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães (em alemão, Nationalsozialistische Deutsche Arbeiterpartei), que ficou conhecido como Partido Nazista. Era o ano de 1919. Aproveitando-se da situação instável do país, os nazistas tomaram o poder na Alemanha e a dominaram entre 1933 e 1945.

Ideias

Os nazistas acreditavam que o povo precisava de um líder forte. Estabeleciam uma hierarquia entre as raças e consideravam que os alemães eram superiores. Africanos, ciganos e judeus eram os últimos na escala social dos nazistas, que chamavam a esses grupos de “raças inferiores”. Enquanto exerceram o poder, os nazistas procuraram exterminar os membros desses grupos, ao mesmo tempo que provocavam a Segunda Guerra Mundial.

A ascensão do nazismo

Adolf Hitler assumiu a liderança do partido. Ele atraiu muitos membros novos com discursos agressivos. Em 1923, Hitler tentou derrubar o governo alemão, mas fracassou. Mas o partido continuou a crescer e muitas pessoas aderiram ao nazismo no período da Grande Depressão — uma época de muita pobreza que teve início em 1929.

Os alemães passaram a eleger cada vez mais candidatos nazistas nas eleições. Em 1933, como eles alcançaram a maioria de deputados na Câmara, o presidente da Alemanha nomeou Hitler para o cargo de chanceler (primeiro-ministro).

Hitler tornou-se ditador, ou líder com poderes ilimitados. Sua polícia secreta perseguia os inimigos, colocando-os em campos de concentração (centros penitenciários).

A Segunda Guerra Mundial

Hitler desenvolveu também as forças armadas da Alemanha. Em março de 1938, os alemães anexaram a Áustria e, um ano depois, parte da Tchecoslováquia. Em 1° de setembro de 1939, a Alemanha invadiu a Polônia, dando início à Segunda Guerra Mundial.

Durante a guerra, os nazistas levaram adiante o Holocausto, utilizando venenos e gases mortais para matar milhões de judeus e outras pessoas presas nos campos de concentração.

As esperanças de Hitler em relação ao futuro do nazismo acabaram com a derrota da Alemanha. Hitler se suicidou em 30 de abril de 1945, poucos dias antes da capitulação da Alemanha. Ele havia conduzido o país à sua maior derrota de todos os tempos.

Período pós-guerra

O nazismo ainda sobrevive como um movimento pequeno na Alemanha e em outros países. Nos anos 1990, alguns jovens alemães formaram grupos que acreditavam nas ideias do nazismo e foram chamados neonazistas (novos nazistas). Contudo, o número de neonazistas permanece pequeno.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.