A orquídea é uma planta muito valorizada pela beleza e originalidade de suas flores. As orquídeas formam uma das maiores famílias de plantas do mundo, com mais de 20 mil espécies e mais de setecentos gêneros. O Brasil tem mais de 3.500 espécies nativas. O cultivo de orquídeas é um passatempo para muitas pessoas.

As orquídeas crescem em quase todo o mundo, exceto nas regiões polares. A maioria prefere áreas tropicais quentes. Elas podem crescer acima do solo, no subterrâneo ou presas a outras plantas e rochas. Nesse último caso, as raízes da orquídea não ficam no solo; elas ficam pendentes no ar, ou agarradas à planta ou rocha hospedeira. A umidade e os nutrientes são extraídos da água da chuva, de matérias vegetais decompostas ou do próprio ar.

A altura das plantas de orquídea varia entre menos de 2,5 centímetros e mais de 4,6 metros. Cada planta pode ter uma única flor ou cachos delas. As flores têm entre 2,5 milímetros e 38 centímetros de diâmetro. A coloração é muito variada, e algumas flores têm pintas ou riscas. Muitas têm perfume forte e outras absolutamente nenhum cheiro.

O condimento conhecido como baunilha provém das vagens de certas orquídeas. Ele é usado em doces, bebidas e perfumes.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.