Quando os cientistas descobriram o oviráptor, ele parecia estar deitado sobre os ovos de outro dinossauro. Eles então lhe deram o nome de oviráptor, que significa “ladrão de ovos”.

Quando e onde viveu o oviráptor

O oviráptor viveu há cerca de 99 milhões a 65,5 milhões de anos. Fósseis de oviráptor foram encontrados sobretudo na Ásia, mas alguns também foram achados na América do Norte.

Características físicas

O oviráptor atingia até 1,8 metro de comprimento por 90 centímetros de altura e pesava cerca de 32 quilos. Possuía um bico de bordas afiadas, em vez de dentes. Sua cabeça era pequena e afundada, parecendo-se com a de um papagaio. Ele andava sobre as duas finas pernas traseiras, que eram mais longas que as dianteiras. O oviráptor tinha uma cauda longa, que possivelmente o ajudava a se equilibrar.

Comportamento

Os cientistas descobriram o primeiro esqueleto de oviráptor em um ninho do que acreditavam ser um outro dinossauro, com chifres. Por isso, presumiram que o oviráptor se alimentava de ovos roubados. Mais tarde, outras descobertas os fizeram mudar de ideia. Hoje, os cientistas acreditam que o oviráptor estava mesmo chocando seus ovos. Eles acham, também, que a alimentação desse animal provavelmente era composta por frutos do mar.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.