O painço é um cereal (da família das gramíneas) e constitui um alimento importante na Ásia, na Rússia e no oeste da África. Assim como o milho, o trigo e outros grãos, o painço tem sementes comestíveis.

O primeiro cultivo de painço provavelmente foi feito há mais de 4 mil anos. Hoje, os maiores produtores do mundo são a Índia e a Nigéria.

São vários os tipos de painço, variando a extensão e a espessura dos caules. A maioria dos tipos de painço cresce entre 30 centímetros e 1 metro de altura e tem caules, ou colmos, finos. O milhete, um tipo de painço, é uma exceção, pois atinge até 3 metros de altura e tem colmos de cerca de 2,5 centímetros de espessura. Grupos de flores minúsculas, que crescem no alto dos talos do painço, produzem as sementes, ou grãos.

O painço é consumido na forma de mingau, preparado com leite ou com água. Pode também ser cozido e comido como o arroz. Moído, vira uma farinha adequada para fazer pão pita ou pão sírio. Em fazendas, o painço serve de alimento para o gado. Cortes secos de painço são usados como feno.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.