As papoulas são flores valorizadas por suas cores brilhantes e pelas pétalas delicadas. São cultivadas como plantas de jardim e também para o aproveitamento de suas sementes.

A papoula é conhecida há mais de 5 mil anos. Os povos antigos a usavam no tratamento de insônia e constipação intestinal, fazendo infusões. Também comiam a flor inteira ou a maceravam para obter seu sumo.

As papoulas crescem em todo o mundo, nos climas temperados. A maioria das espécies de papoula cresce melhor em áreas ensolaradas e de solo úmido. Algumas, porém, podem crescer em desertos rochosos.

As papoulas vêm em tamanhos diferentes. Algumas são plantas minúsculas que crescem perto do solo; outras atingem mais de 4,6 metros de altura. As folhas podem ser verdes ou verde-azuladas. Algumas folhas, caules e vagens que contêm as sementes são peludas.

As flores da papoula têm entre quatro e seis pétalas e formato de taça. Podem ser vermelhas, cor de laranja, amarelas, rosadas, azuis, lilases ou brancas. Algumas espécies apresentam uma mancha escura no centro da flor. As papoulas não exalam um perfume forte.

A maioria dos tipos de papoula tem apenas uma flor em cada caule. Elas fecham à noite e abrem pela manhã. Quando o solo está seco, a vagem se abre e as muitas sementes pequenas que estavam dentro dela caem no chão.

Há um tipo de papoula em que todas as partes da planta são consideradas venenosas, menos as sementes maduras, que depois de secas têm gosto de noz. O ópio, a morfina e a heroína são seus subprodutos, usados na medicina, mas de uso muito perigoso fora dos hospitais, por serem altamente tóxicos.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.