Pilriteiro é o nome de uma árvore e de um tipo de arbusto lindos de ver, mas dolorosos de tocar. Também é chamado de espinheiro, pois, assim como no caso das roseiras, espinhos longos e afiados cobrem seus galhos. Eles são a defesa da planta, impedindo que ela seja danificada por animais. Os pilriteiros crescem nas zonas de clima frio da Europa, da Ásia e da América do Norte.

Em geral, os pilriteiros são árvores pequenas, mas também podem ser arbustos grandes. Alguns podem crescer até cerca de 9 metros de altura. A casca é escamosa e cinzenta, e as folhas têm dentes ou áreas arredondadas ao longo das bordas. Elas caem no outono. No final da primavera e início do verão, brotam flores cor-de-rosa ou brancas. Quando elas morrem, aparecem frutas vermelhas.

Uma fileira de pilriteiros forma uma boa cerca viva. Os espinhos pontudos não deixam animais nem intrusos passarem. Aves canoras e pequenos animais também podem se esconder dos predadores entre os espinhos pontudos. Os pássaros comem o pequeno fruto do pilriteiro. Os beija-flores e os insetos sugam das flores um líquido doce chamado néctar.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.