Denominam-se polos geográficos (Norte e Sul) os pontos em que o eixo imaginário de rotação da Terra cruza a superfície do globo. O mesmo conceito é usado para os demais planetas do Sistema Solar. Os polos geográficos (ou verdadeiros) têm posição fixa na superfície do globo terrestre.

Polos magnéticos

A Terra é dotada de um campo magnético. Nosso planeta se comporta como se fosse um gigantesco ímã, com um polo positivo e outro negativo. Chamados de polos magnéticos, eles não coincidem exatamente com os polos geográficos. Se traçarmos uma linha imaginária unindo os polos magnéticos, haverá um desvio de aproximadamente 11,3 graus em relação aos polos verdadeiros. O polo Norte magnético está situado no oceano Ártico, a 1.600 quilômetros do polo Norte geográfico, perto da ilha de Bathurst (no Canadá). O polo Sul magnético se localiza na Antártica. Como o campo magnético da Terra é móvel, a posição dos polos magnéticos se desloca constantemente.

Conquista dos polos

O primeiro explorador a chegar ao polo Sul (geográfico) foi Roald Amundsen (em 14 de dezembro de 1911). O americano Richard Byrd sobrevoou pela primeira vez a região em 1929. Robert Edwin Peary, também americano, atingiu o polo Norte (geográfico) em 6 de abril de 1909. Durante muito tempo ele foi considerado o primeiro a realizar a façanha. Hoje o pioneirismo de Peary é posto em dúvida. Seu compatriota Frederick Cook, segundo recentes pesquisas históricas, teria alcançado o polo Norte quase um ano antes.

Localização

O polo Norte (geográfico) se localiza quase no centro do oceano Ártico. Devido ao clima, a região é totalmente desabitada.

A Antártica, continente no qual fica o polo Sul, tampouco abriga populações em caráter permanente. Os polos Norte e Sul se situam, respectivamente, a 90° de latitude norte e sul. Ao contrário do que ocorre no Ártico, em que se desenvolvem atividades econômicas (como pesca e extração de petróleo), o território da Antártica é utilizado apenas pela comunidade científica internacional. O crescimento das pesquisas na Antártica começou durante o Ano Geofísico Internacional (1957-1958). Em 1959, doze países assinaram o Tratado da Antártica, com o objetivo de preservar o continente para fins pacíficos e científicos. Em 2000, o número de nações signatárias do tratado subiu para 44.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.