Os ratos pertencem ao grupo de mamíferos chamado roedores. Eles vivem por todo o mundo, tanto na natureza quanto próximos do ser humano. Em geral não são vistos porque se escondem em pequenos espaços.

Os ratos se parecem com os camundongos, mas são maiores. Um rato costuma ter de 18 a 25 centímetros de comprimento, sem contar a cauda. A pelagem pode ser cinza, branca, preta ou marrom. Os ratos têm dentes afiados, que usam para defender-se de pássaros, cobras e outros inimigos.

Os ratos são animais noturnos. Na natureza, comem folhas, galhos, sementes e raízes. Alguns comem pequenos animais. Os ratos que vivem perto das pessoas comem de tudo o que elas comem e ainda roem todo tipo de objeto, como paredes e fios de telefone.

Os ratos se reproduzem com rapidez. Com poucos meses de vida, a fêmea já está pronta para se reproduzir e pode dar à luz 150 filhotes a cada ano.

Muitas pessoas consideram os ratos uma praga. Com seu grande apetite, eles podem destruir colheitas e estoques de grãos. Podem também transmitir doenças, como a peste bubônica. Mas os ratos podem ser úteis, como quando são usados por pesquisadores em experimentos médicos. Algumas pessoas os criam como animais de estimação.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.