Centenas de milhões de usuários de computadores em todo o mundo são membros de comunidades online conhecidas como redes sociais. Uma rede social permite aos indivíduos trocar mensagens, compartilhar informações e, em alguns casos, participar em atividades conjuntas. Os membros criam e mantêm perfis pessoais que ligam com os de outros membros. Desta forma, elas estabelecem uma rede de "amigos" ou "contatos" que têm interesses semelhantes ou objetivos comuns de negócio.

Para muitas pessoas, especialmente os jovens, essas redes têm substituído antigos conceitos de comunidade. Empresas, organizações, celebridades e políticos também mantêm perfis em sites de redes sociais para atividades de marketing, vendas, relações públicas ou para a arrecadação de fundos.

As primeiras redes sociais online não aparaceram até a criação de USENET em 1979. A USENET começou como um sistema de mensagens entre a Duke University e a Universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, mas rapidamente se expandiu para outras universidades americanas e agências governamentais. A USENET tem permitido aos usuários enviar e receber mensagens em áreas chamadas newsgroups. As primeiras empresas a criar redes sociais baseadas em tecnologia Web foram Classmates.com e SixDegrees.com. Classmates.com, fundada em 1995, usou uma campanha publicitária agressiva para atrair os internautas para seu site. Classmates.com baseou a sua rede social sobre a conexão existente entre estudantes de escolas secundárias e universidades, oficinas militares, e locais de trabalho.

SixDegrees.com foi o primeiro site de rede social verdadeiro. Foi lançado em 1997, com a maioria das características que viriam a caracterizar tais sites: os membros podem criar seus próprios perfis, manter listas de amigos e entrar em contato com outros membros através do sistema de mensagens do site privado.

Myspace, criado em 2003, rapidamente se distinguiu entre os sites de redes sociais, particularmente entre os jovens, encorajando os músicos a usá-lo para se promover e ganhar prestígio. Fundado em 2004, o Facebook tomou a fórmula de Classmates.com e ganhou grande popularidade, com uma rede que foi inicialmente aberta apenas para estudantes das universidades e escolas secundárias. Até o 2013, Facebook era o site mais popular do mundo. Outros sites populares de redes sociais são LinkedIn, YouTube, My Year Book, Orkut e Bebo.

Outros serviços online e sites incorporaram elementos de redes sociais e têm atraído muitos usuários. Um deles é o Twitter, um serviço que permite aos usuários enviar mensagens curtas durante o dia para uma rede de "seguidores" e que tornou-se extremamente popular. No início do século XXI, o acesso a redes sociais cresceu rapidamente devido ao aumento do uso de celulares tipo smartphone e tablets, e à propagação de novos sites, entre outros fatores.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.