A rubéola é uma doença causada por um vírus. Ele pode ser passado de uma pessoa para outra por meio da tosse e do espirro. O vírus que causa a rubéola não é o mesmo do sarampo.

Embora não seja habitualmente uma doença grave, a rubéola é muito perigosa para as mulheres grávidas. Caso passe para o bebê, o vírus pode causar problemas cardíacos, surdez, problemas de visão ou outras deficiências.

A rubéola começa com uma febre. A pessoa sente dor na garganta e nas glândulas da parte de trás do pescoço. Depois de um ou dois dias, aparece uma erupção no rosto que se espalha para baixo. As manchas são cor-de-rosa ou vermelho-claras e podem aparecer tão perto umas das outras que ficam parecendo grandes placas. A erupção dura cerca de três dias.

Normalmente, a rubéola é uma doença leve que não precisa de tratamento médico, apenas repouso e analgésicos receitados por um médico.

A rubéola ainda é comum na maioria dos países em desenvolvimento. No Brasil, ela vem desaparecendo graças à vacinação gratuita contra sarampo, rubéola e caxumba (vacina tríplice) promovida todos os anos pelo governo. A vacina contra a rubéola foi desenvolvida em 1969.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.