O sistema endócrino é constituído por glândulas produtoras de hormônios, substâncias químicas que ajudam a controlar as atividades do organismo. Insetos, peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos possuem sistema endócrino.

Glândulas

As glândulas endócrinas do corpo humano produzem mais de vinte hormônios importantes. Eles são transportados pelo sangue por todo o organismo, até as células. Uma parte do cérebro chamada hipotálamo ajuda a controlar a liberação de muitos desses hormônios.

Entre as principais glândulas do sistema endócrino estão a hipófise, a tireoide, as suprarrenais e o pâncreas. Os ovários são glândulas presentes apenas nas mulheres. E só os homens têm as glândulas chamadas testículos.

A hipófise

A hipófise é uma glândula do tamanho de um feijão e fica na base do cérebro, debaixo do hipotálamo. Ela produz hormônios que controlam muitas funções corporais, como o crescimento do corpo, o parto, a ejeção de leite pelas glândulas mamárias e o funcionamento de outras glândulas endócrinas.

Glândulas tireoide e paratireoide

A glândula tireoide fica na base do pescoço e produz hormônios que aceleram o metabolismo celular (ritmo com que as células oxidam os alimentos para liberar energia). As quatro glândulas paratireoides ligadas à glândula tireoide produzem um hormônio que ajuda a controlar a quantidade de cálcio no sangue. O cálcio é um mineral importante para o fortalecimento dos ossos.

Glândulas suprarrenais

As glândulas suprarrenais estão localizadas na parte superior de cada rim e são formadas por duas partes. Uma parte produz hormônios que têm muitas funções, como, por exemplo, controlar a mistura de sal e água no corpo. A outra parte produz adrenalina, que é um hormônio responsável pela elevação da pressão arterial e pelo aumento dos batimentos cardíacos quando o corpo está sob estresse.

Pâncreas

O pâncreas fica logo atrás do estômago. Essa glândula produz dois hormônios importantes, a insulina e o glucagon, que atuam para manter a quantidade certa de açúcar, ou glicose, no sangue.

Ovários e testículos

Os ovários ficam na pélvis, ou baixo-ventre, das mulheres. Eles produzem hormônios responsáveis pelo desenvolvimento dos seios, pelo aumento dos quadris e por outras características femininas. Além disso, os ovários produzem óvulos que, se fecundados, darão origem a bebês. Os testículos ficam em uma bolsa atrás do pênis masculino. Eles produzem hormônios responsáveis pelo engrossamento da voz, pelo aparecimento dos pelos faciais e por outras características masculinas. Além disso, os testículos produzem os espermatozoides, células sexuais masculinas responsáveis pela fecundação dos óvulos.

Problemas no sistema endócrino

Doenças no sistema endócrino fazem as glândulas produzir hormônios em excesso ou em quantidade insuficiente. Uma doença chamada diabetes ocorre quando o pâncreas não produz insulina suficiente. Se a hipófise não produz a quantidade certa do hormônio de crescimento, a criança cresce demais ou cresce abaixo do normal.

Problemas na glândula tireoide podem apresentar muitos sintomas. O excesso de hormônios produzidos pela tireoide causa perda de peso, aceleração dos batimentos cardíacos, nervosismo, suor abundante, olhos saltados (exoftalmia) e inchaço no pescoço. A insuficiência desses hormônios leva ao aumento de peso, à lentidão dos batimentos cardíacos, à secura da pele e a uma sensação de cansaço.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.