Nas fotografias da Escócia, é comum ver-se colinas ondulantes cobertas com as belas flores roxas da planta chamada urze. Mas a Escócia não é o único lugar onde a urze cresce. Ela pode ser encontrada em toda a Grã-Bretanha, no noroeste da Europa, no norte da Ásia e na América do Norte. A urze se desenvolve bem em solo pobre e precisa de muita luz solar para crescer.

A urze é uma planta sempre-verde ou sempre-viva, o que significa que não perde as folhas no outono e não cresce mais do que 90 centímetros. Suas folhas costumam ser verdes, mas também podem ter cor cinza, amarela, dourada, laranja, ou vermelha. E as pequenas flores em forma de sino podem ser rosa choque, cor-de-rosa, roxas, vermelhas ou brancas.

É uma planta muito útil. Com ela, são feitas vassouras e cestos. Antigamente, na Escócia, ela era muito usada na construção de casas, misturada com barro e palha. A urze atrai abelhas e borboletas.

O nome científico da urze é Calluna vulgaris. Ela faz parte da família de plantas chamada ericácea, a mesma a que pertence o mirtilo.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.