A Bolívia, país da América do Sul, tem duas capitais, La Paz e Sucre. O presidente e o poder legislativo ficam em La Paz, que é a capital administrativa. O poder judiciário fica na cidade de Sucre.

Nuestra Señora de la Paz, mais conhecida como La Paz, é a capital mais alta do mundo, situada em média 3.670 metros acima do nível do mar (sua altitude varia de 3.250 a 4.100 metros). Rodeada por montanhas que pertencem à cordilheira dos Andes, a cidade foi erguida dentro de um vale. Hoje ela se espalha até o Altiplano, unindo-se à cidade de El Alto.

La Paz é um centro econômico e industrial. Grande parte da população trabalha no setor de serviços — administração pública, escolas, hotéis, escritórios, lojas e bancos. O setor industrial da cidade produz alimentos, roupas, joias e outros bens diversos.

Antigamente, o povo indígena aimará vivia na região de La Paz, que há centenas de anos também já foi um vilarejo inca. Os conquistadores espanhóis fundaram a cidade em 1548 e a governaram até 1825. Naquele ano, a Bolívia se tornou um país independente. La Paz passou a ser sua capital administrativa em 1898. A população da cidade é de 757.184 pessoas, e a região metropolitana tem 1.680.520 habitantes (estimativas de 2012).

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.