A acupuntura é uma antiga forma chinesa de tratamento que consiste em inserir agulhas finas na pele para aliviar a dor ou combater doenças crônicas. Hoje a acupuntura é muito usada também na Europa, nas Américas e na Austrália.

A medicina tradicional reconhece que a acupuntura é capaz de controlar dores e enjoos. Alguns especialistas a recomendam para ajudar no tratamento de doenças como asma, pressão alta, má digestão e estresse, entre outros distúrbios. Na China, a acupuntura é bastante usada como método anestésico durante cirurgias.

Os acupunturistas, que são as pessoas que praticam a acupuntura, precisam fazer cursos para aprender a técnica e aplicá-la corretamente. Em muitos lugares, apenas médicos são autorizados a praticar a acupuntura.

Durante uma sessão, o paciente se deita em uma maca e o acupunturista insere agulhas especiais em pontos específicos de seu corpo. As agulhas são feitas de metal e têm a espessura aproximada de um fio de cabelo. Normalmente elas entram menos de 1 centímetro na pele. Há centenas de pontos em que as agulhas podem ser colocadas; cada um tem um efeito diferente.

Os médicos não sabem ao certo como a acupuntura funciona. Alguns pensam que as agulhas fazem o corpo produzir substâncias químicas que anulam a dor. Outros acham que elas bloqueiam os sinais de dor que percorrem dos nervos até o cérebro. Há também quem acredite que a acupuntura atua como placebo — ou seja, um tratamento que só funciona porque o paciente acredita que dará resultado.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.