A obesidade é um grande excesso de gordura no corpo. Ela é uma forma extrema de estar acima do peso adequado. Especialistas em saúde criaram tabelas com as variações de peso ideais, conforme a altura das pessoas. Pessoas acima do peso são aquelas que ultrapassam seu peso ideal. São considerados obesos aqueles que pesam no mínimo 20 por cento a mais do que deveriam.

O peso adicional pode estar relacionado aos ossos, aos músculos ou à quantidade de água no corpo. Porém, para que uma pessoa seja obesa, o sobrepeso tem que ser devido a uma quantidade excessiva de gordura. Comer demais e não se exercitar são as causas mais comuns do acúmulo de gordura.

Problemas

A obesidade pode causar vários transtornos. Os obesos podem não conseguir fazer atividades físicas. Alguns podem se sentir deprimidos devido à aparência ou sofrer com o preconceito que muitas pessoas manifestam em relação à obesidade.

Além disso, os obesos são mais propensos a ter alguns problemas sérios de saúde, como diabetes, pressão arterial alta (hipertensão), ataques do coração, derrames, problemas respiratórios e certos tipos de câncer.

Possibilidades de cura

A obesidade é combatida pela perda de peso, o que se consegue, primeiro, pesquisando a origem do problema. Ela pode ser física, psicológica ou comportamental. Alguns distúrbios de saúde desequilibram o organismo e resultam no ganho exagerado de peso. Tratado o problema, a pessoa começa a emagrecer.

Comer melhor, com mais qualidade e menos quantidade, e se exercitar são os passos seguintes. Eliminar lanches muito calóricos, ingerir refeições equilibradas e mastigar os alimentos lentamente são medidas que ajudam as pessoas a se satisfazer com menos comida. Caminhadas de 30 minutos por dia podem incentivar a prática de mais exercícios.

Há toda uma rede de serviços e comércio em torno do processo de emagrecimento: não só academias, mas clínicas e spas, além de grupos de apoio que ajudam os obesos a atingir suas metas.

Casos graves podem requerer cirurgias. Os médicos podem diminuir o tamanho do estômago, para dificultar o consumo excessivo de alimentos, ou remover parte dos intestinos, para impedir o corpo de digerir alimentos em excesso.

Atualmente, a obesidade é considerada epidemia em muitos países, sobretudo nos Estados Unidos, onde mais de 60 por cento da população está acima do peso. No Brasil, esse índice é de aproximadamente 40 por cento. Uma das principais causas dessa epidemia é o grande aumento na venda de alimentos calóricos em todo o mundo.

Translate this page

Choose a language from the menu above to view a computer-translated version of this page. Please note: Text within images is not translated, some features may not work properly after translation, and the translation may not accurately convey the intended meaning. Britannica does not review the converted text.

After translating an article, all tools except font up/font down will be disabled. To re-enable the tools or to convert back to English, click "view original" on the Google Translate toolbar.